São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Política
Agosto 29, 2017 - 23:30

Setor imobiliário se opõe a subida no valor do IPTU em São José

Feirão Caixa

Vitrine. Feirão da Caixa Econômica Federal: venda e locação sofrerão impacto com aumento de IPTU 

Foto: /Fernando Frazão / ABr 

Direção da Asseivap acredita que o aumento de tributos em São José no atual momento econômico irá prejudicar o consumidor final e os investidores; projeto está na Câmara

João Paulo Sardinha @jpsardinha
São José dos Campos

O setor imobiliário de São José dos Campos manifestou ontem posição contrária ao projeto de reajuste do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), encaminhado pelo prefeito Felicio Ramuth (PSDB) à Câmara Municipal em rito de urgência.

A proposta do governo apresenta aumentos escalonados de até 50% nos valores do metro quadrado de construção, um dos itens da base de cálculo para o IPTU. Já a revisão da Planta Genérica de Valores, outro componente que interfere no valor final do tributo, ficou em 9,16%.

O presidente interino da Asseivap (Associação das Empresas Imobiliárias do Vale do Paraíba e Litoral Norte), Marco Antônio Vasconcelos, afirma que o aumento de tributos no atual momento econômico irá prejudicar não apenas o consumidor final, que terá de pagar mais pela compra ou locação de imóveis, mas também os investidores.

"A possibilidade de aumento da carga tributária na questão do IPTU não é benéfica", disse. "É um fator que dificulta para o locador alugando para o locatário. A gente sabe que qualquer encargo hoje pesa. É remar contra a maré. A associação não concorda.".

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO