São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Esporte
Setembro 06, 2017 - 23:31

'AGORA NÓS SOMOS O TIME A SER BATIDO'

CAMPEONATO BRASILEIRO. APÓS TROPEÇOS RECENTES, TIMÃO QUER AO MENOS MANTER A VANTAGEM

Gazetapress @jornalovale
SÃO PAULO

O volante Gabriel acredita que a boa campanha do Corinthians no Campeonato Brasileiro trouxe, além da margem de sete pontos sobre o Grêmio, segundo colocado, atenções especiais dos adversários que o time terá pela frente. Na expectativa por um jogo mais franco diante do Santos após encarar times bastante defensivos recentemente, o meio-campista vê o Timão como o clube a ser batido no país.

"Acredito que, daqui para frente, todos que jogarem contra o Corinthians vai jogar fechado. Isso é pelo respeito. Somos a equipe a ser estudada e batida do Brasil. Estamos focados para voltar a vencer e fazer grandes partidas", comentou o camisa 5, que encaixa o Peixe, adversário no duelo pela 23ª rodada da competição, às 16h (de Brasília) do domingo, na Vila Belmiro, como um time que deve deixar o jogo fluir mais.

"Nós sempre mostramos essa força nos jogos grandes, esses são os mais importantes. Temos clássicos pela frente bem próximos, temos a Sul-Americana também, Cruzeiro lá em Minas. São jogos de equipes que jogam e deixam jogar, questão de tática das equipes".

"Próximo jogo sempre é o mais importante da temporada, difícil falar em sequência, pensando em cinco jogos fazer uma somatória de pontos. Desde a estreia contra a Chape nós tivemos uma reunião e falamos que a meta ia ser jogo a jogo. Esse jogo agora é o mais importante do ano, e depois o seguinte", avaliou.

"Sabemos que é um clássico, vamos jogar na casa do adversário, lá sempre foi muito difícil de jogar. Nossa equipe está preparada, sabemos desse regulamento, da diferença de pontos, importante mantê-la ou aumentá-la", observou.

Na avaliação dele, o foco no embate é tão grande que a equipe não deve se abalar caso o Grêmio, que encara o Vasco às 18h, em São Januário, no sábado, diminua a vantagem do Timão na liderança na véspera.

CÁSSIO.

O goleiro Cássio surpreendeu ao elenco e à comissão técnica do Corinthians na manhã desta quarta-feira. Logo depois de chegar em longo voo que partiu da Colômbia, local onde esteve com a Seleção Brasileira para a disputa das Eliminatórias da Copa do Mundo, na terça, o camisa 12 ignorou a liberação dada pelo clube e treinou forte com o preparador Mauri Lima no CT Joaquim Grava.

Contribuiu para a presença o fato de o aeroporto de Guarulhos, no qual desembarcou com outros atletas, estar próximo do local de treinamentos do clube, enquanto a residência do atleta fica em Alphaville, na Grande São Paulo, próximo a Barueri. Ainda assim, com a noiva grávida, era esperado que ele fosse para casa. Fagner, que chegou no mesmo voo, Balbuena e Romero, que vieram do Paraguai, só treinarão hoje..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO