São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Editorial
Outubro 17, 2017 - 23:44

BRASÍLIA DE TODOS NÓS

Votações ocorridas no Senado Federal e na Câmara de São José mostram o lado nefasto da política no Brasil


Parlamentares que desejam salvar a pele do colega envolvido em denúncias, mas sem desagradar o clamor popular (entenda-se eleitores). Quando isso é inviável, porém, fica-se com o parceiro de mandato.

A descrição pode ser usada para dois episódios ocorridos ontem. Em Brasília, o plenário do Senado reverteu a decisão da Primeira Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) e pôs fim ao afastamento parlamentar do senador Aécio Neves (PSDB-MG), que havia sido determinado pelos ministros da Corte no último dia 26. Foram 44 senadores contra a manutenção das medidas cautelares e de 26 favoráveis.

Em São José dos Campos, o plenário da Câmara Municipal rejeitou, por 12 votos a 6, abertura de uma Comissão Processante para analisar a denúncia de improbidade administrativa e quebra de decoro contra o vereador Maninho Cem Por Cento (PTB).

O vereador empregava em seu gabinete no Legislativo assessor para trabalhar exclusivamente no balcão de anúncios do jornal que mantém na Vila Industrial, na região leste. O caso foi revelado pelo jornal OVALE em abril deste ano.

Uma distância de 1.062 quilômetros separa São José dos Campos de Brasília. Mas, em termos políticos, elas estão bem próximas. Principalmente em caráter. O mesmo pode ser dito em relação a outras cidades. Afinal, a política do Distrito Federal é a política praticada do Oiapoque ao Chui, cheia negociatas, manobras e fisiologismos. Só mudam os nomes.

Mais triste foi constatar que a TV Câmara São José virou as costas para o público, que é quem realmente banca os seus custos. Diferentemente daquilo que faz em todas as sessões, direcionando suas câmeras para o plenário no momento das votações, o foco desta vez foi no presidente Juvenil Silvério (PSDB), que só vota em caso de empate. Ou seja, quem via a TV do Legislativo ficou sem saber como cada parlamentar votou ontem.

É a máquina do Legislativo a serviço da politicagem. OVALE, no entanto, publicou em sua página no Facebook a votação, filmada da galeria da Câmara Municipal.

A Casa tem algo a esconder do Povo? Sim, muito a esconder. Seja em Brasília, onde tentaram fazer votação secreta, seja em São José dos Campos, onde tentaram esconder o voto de cada vereador..

 

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO