São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Economia
Janeiro 26, 2018 - 08:29

Fila de espera por creche em Taubaté cresce 44,5% em um mês

Creche da rede municipal de Taubaté

Sem vagas. Creche da rede municipal de Taubaté. Déficit aumenta

Foto: /Divulgação

Segundo lista atualizadas pela Secretaria de Educação até o dia 17, número de crianças na fila é de 1.162, ante 804 que aguardam por uma vaga na rede municipal em dezembro

Da redaçã[email protected]

Em apenas um mês, a fila de espera por uma vaga nas creches municipais de Taubaté cresceu 44,5% e voltou a superar a marca de 1.100 crianças. O levantamento foi feito pela reportagem com base nos dados divulgados pela prefeitura em seu site.

Segundo listas atualizadas até o último dia 17, o número de crianças na fila é de 1.162.

A principal demanda é para berçário 2 (de 1 ano e sete meses a 2 anos e cinco meses), com 533 nomes na lista. Na sequência aparecem maternal 1 (de 2 anos e seis meses a 3 anos), com 362 nomes, e berçário 1 (de até 1 ano e meio), com 267.

De novembro para dezembro do ano passado o número de crianças na fila havia caído de 2.577 para 804. A melhora havia ocorrido devido à abertura de mais de 1.500 vagas para 2018 (devido a crianças que passaram para outras séries) e também às desistências.

Zerar o déficit nas creches foi uma promessa de Ortiz Junior (PSDB) já na eleição de 2012. O compromisso era abrir 3.000 novas vagas.

No primeiro mandato foram prometidas 16 unidades, mas só quatro foram entregues -- -- Vila São José, Jaboticabeira, Vila Aparecida e Estoril --, gerando 581 vagas.

Em janeiro de 2017, no começo do segundo mandato, o tucano fez uma nova promessa, que acabou não sendo cumprida: entregar sete creches até o fim do ano. Só uma ficou pronta, no Barreiro, com capacidade para 130 crianças.

No fim do ano passado, após ver a fila de espera por uma vaga crescer 58% em apenas quatro meses, Ortiz fez uma nova promessa: entregar sete novas unidades de ensino infantil até março desse ano.

Segundo a prefeitura, essas creches irão funcionar nos bairros Barreiro, Fazendinha, Hípica Pinheiro, Mantiqueira, Oásis, Marlene Miranda e Monjolinho.

Como cada unidade tem capacidade aproximada de 200 crianças, o pacote representará cerca de 1.400 vagas..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO