São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Nossa Região
Fevereiro 14, 2018 - 13:27

Ilhabela intensifica aplicação de larvicida com 3 mil pontos registrados

Cachoeira dos Três Tombos.

Cachoeira dos Três Tombos.

Foto: Arquivo pessoal/Guilherme Andrade

Agentes da Sucen aplicam o inseticida a cada 15 dias em centenas de cachoeiras, totalizando mais de três mil pontos


A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Saúde, e a Sucen, voltaram a intensificar a aplicação do larvicida BTI (Bacillus Thuringiensis Israelensis), após o período de chuvas constantes que acometeu toda a região do Litoral Norte. A intensificação é necessária para romper o ciclo larvário do borrachudo.

“Com as chuvas o volume de água nas cachoeiras, córregos e rios aumenta e elimina rapidamente o larvicida aplicado, rompendo o cronograma vigente. Com a quebra desse ciclo o borrachudo se desenvolve e temos o incomodo das picadas”, explicou Jair dos Santos Plácido, supervisor da Sucen de Ilhabela.

Desde o mês de março de 2017, a prefeitura é responsável pela compra e aplicação do produto, que é seguro e não agride a saúde de pessoas, animais ou plantas. O controle é realizado há muitas décadas, mas é a primeira vez que ele é custeado pelo município, que recentemente adquiriu três mil litros do BTI, que irá suprir a demanda por um ano, já que são utilizados cerca de 250 litros por mês.

Os 24 agentes da Sucen aplicam o inseticida a cada 15 dias em centenas de cachoeiras, totalizando mais de três mil pontos, inclusive nas comunidades tradicionais da Baía de Castelhanos, Bonete, Sombrio e Indaiúba.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO