São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Política
Julho 02, 2018 - 22:05

Tarifa do transporte de Taubaté vai ficar R$ 0,40 mais cara

Ônibus do transporte público de Taubaté. Passagem pode ficar mais cara

Mais caro. Passagem de ônibus deve aumentar no dia 15 de julho

Foto: /Rogério Marques/OVALE

A partir do dia 15, tarifa pública, que é aquela paga diretamente pelo passageiro, vai passar de R$ 3,50 para R$ 3,90

Julio Codazzi @juliocodazzi
Taubaté

O prefeito de Taubaté, Ortiz Junior (PSDB), assinou um decreto que aumenta em R$ 0,40 as tarifas do transporte público do município.

A tarifa pública, que é aquela paga diretamente pelo passageiro, vai passar de R$ 3,50 para R$ 3,90, um acréscimo de 11,42%.

Já a tarifa técnica, que é a recebida pela ABC Transportes e pelo Tctau (Transporte Complementar de Taubaté), vai passar de R$ 4 para R$ 4,40, um aumento de 10%. A diferença de R$ 0,50 entre as duas tarifas é custeada pela prefeitura, por subsídio.

O decreto foi publicado no diário oficial no último sábado. Como a medida entra em vigor 15 dias após a publicação, os novos valores devem passar a valer no dia 15 de julho. O último reajuste das tarifas havia ocorrido em julho do ano passado. A inflação acumulada dos últimos 12 meses foi de 2,85%. No decreto, Ortiz alega que cabe ao município "zelar pelo equilíbrio financeiro" do sistema.

INTEGRAÇÃO.

No decreto, o prefeito ressalta a necessidade de "estimular o uso da bilhetagem eletrônica, tendo em vista a integração entre os modelos convencional e complementar", prevista para ocorrer nesse semestre.

Assim, os valores de R$ 4,40 (tarifa técnica) e R$ 3,90 (pública) serão válidos para quem pagar em dinheiro ou vale transporte.

Para quem utilizar o Cartão Comum da ABC, os valores serão R$ 4,30 e R$ 3,80, respectivamente. Para o Cartão Estudante, de R$ 2,20 e R$ 1,95.

Com o bilhete eletrônico, o passageiro pode trocar de veículo até uma hora depois de passar pela roleta. Com a integração, também será possível fazer isso de um ônibus da ABC para um micro-ônibus do Tctau, e vice-versa.

Quando a integração entrar em funcionamento, a ABC Transporte irá operar em 18 linhas. O Tctau ficará responsável pelas outras quatro.

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO