São José dos Campos
20º / 26º
No decorrer do dia o dia terá com variação de nebulosidade na região.
Política
Julho 05, 2018 - 23:06

Câmara de São José pode gastar R$ 1,3 milhão por 200 computadores

TECNOLOGIA. Câmara de São José definiu preços caso queira comprar novos computadores de ponta

TECNOLOGIA. Câmara de São José definiu preços caso queira comprar novos computadores de ponta

Foto: Rogério Marques/OVALE

Com nova licitação, Legislativo poderá, durante o período de um ano, comprar computadores de alta potência ao preço de R$ 6,5 mil cada

Caíque Toledo @CaiqueToledo
São José dos Campos

A Câmara de São José dos Campos prevê gastar até R$ 1,3 milhão para comprar até 200 novos computadores nos próximos 12 meses.

O Legislativo realizou uma ata de registro de preço. Ou seja, durante o período de um ano, a Câmara pode comprar um computador (incluso máquina, monitor, software Windows 10, pacote Office 2016 e garantia) por R$ 6.500 cada unidade.

Todos eles possuem especificações definidas de placa-mãe, sistema Bios, processador, 1 terabyte de disco rígido, no mínimo 16 gigabytes de memória RAM, monitor de LED de 21.5 polegadas e outras.

De acordo com a Câmara, a compra definitiva de qualquer computador nesse período de 12 meses se dará 'conforme necessidade da Casa de substituir computadores obsoletos'.

COMPRA.

O próprio Legislativo avalia essa possibilidade já que alguns equipamentos estariam 'desatualizados' e com mais de nove anos de uso, e eles poderiam atender 'aos novos servidores que se classificaram no concurso público, concluído em junho'.

Apesar de não divulgar quantos computadores existem atualmente, a Câmara afirma que os equipamentos substituídos serão encaminhados para o setor de patrimônio da prefeitura de São José.

A licitação foi vencida pela empresa 'Suprinet LTDA', que ofereceu a melhor proposta entre outras 6 firmas.

Uma das interessadas chegou a contestar um dos itens do pregão, alegando que havia uma exigência restritiva -- o que poderia impedir a participação de interessados, direcionando a licitação. O TCE (Tribunal de Contas do Estado) mandou a Câmara rever o item para o edital..

Publicidade
Publicidade
Publicidade  
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

BRASIL

MUNDO