TENDÊNCIAS

Busca por mais qualidade de vida com casas multifuncionais são tendência no mercado imobiliário

Consumidor deve buscar, cada vez mais, imóveis sustentáveis e que proporcionem maior contato com a natureza

Tamires Vichi
13/05/2022 às 18:00.
Atualizado em 13/05/2022 às 18:00
Mais qualidade de vida no morar (cottonbro/Pexels)

Mais qualidade de vida no morar (cottonbro/Pexels)

O Secovi-SP, maior sindicato do mercado imobiliário da América Latina, divulgou as últimas informações sobre o setor, mostrando as vendas de imóveis do mês de março de 2022 no município de São Paulo, que revelaram um aumento de 36,4% quando comparado ao mesmo  mês de 2021.

É o melhor resultado do ano até o momento. O Sindicato apurou em janeiro que 3.566 unidades foram vendidas, já no mês de fevereiro o número subiu para 4.228 unidades, chegando ao mês de março com 6.494 imóveis comercializados.

Os índices apontam que o reaquecimento do mercado imobiliário durante os próximos anos deve continuar. E para entender melhor as necessidades do consumidor, a reportagem de OVALE conversou com a arquiteta Júlia Mari, que nos mostrou quais devem ser as tendências de mercado no pós-pandemia. Confira!

As tendências de mercado continuarão sendo influenciadas pela pandemia?

De dois anos pra cá, experienciamos uma mudança brusca na forma como vivemos, trabalhamos e até como interagimos com outras pessoas e essa mudança foi causada pela pandemia e o confinamento foi mundial. Com isso o mercado imobiliário também se transformou e o que era supervalorizado antes, hoje em dia já não é mais.

O que podemos esperar para o mercado imobiliário nos próximos anos?

Algumas mudanças impostas pelo período de isolamento continuam afetando as decisões tomadas na hora de escolher o imóvel certo. Uma dessas decisões é de se ter uma casa maior e mais funcional para atender todas as necessidades de uma família e suas atividades ao longo do dia.

Uma das maiores necessidades notadas é de se ter um home office para receber o sistema híbrido que tem sido adotado nos últimos anos por grande parte das empresas e trabalhadores. Para isso é necessário um espaço bem iluminado, limpo e confortável para poder trabalhar bem e com eficiência, mesmo estando em dentro de casa.

Com a população passando mais tempo em casa, começou a se priorizar cada canto e detalhe de casa, houve assim uma explosão de reformas para poder transformar o imóvel em um ambiente confortável, mas que também seja um local de trabalho.

Uma outra necessidade que se notou, recentemente, é o contato com a natureza mesmo estando dentro de casa, o fenômeno ‘’UrbanJungle” nunca esteve tão presente na vida das pessoas, há uma necessidade de ter o verde ocupando o mesmo espaço, para isso se adotou formas de ter uma mini horta na varanda do apartamento, vasos de plantas espalhados pela sala, jardim vertical e muito verde em todos os ambientes dos lares.

As pessoas, então, têm buscado ambientes mais multifuncionais (que proporcionem conforto, lazer, mas que também estejam preparados para estudo e trabalho) e que ofereçam maior qualidade de vida?

Sim, os fatores citados anteriormente estão diretamente ligados a uma maior busca por qualidade de vida pela população e a partir disso, o mercado imobiliário e suas tendências também devem ser marcadas por mais mudanças e aquisições de imóveis.

De forma positiva, outra tendência que vem forte e para ficar é a preocupação por hábitos mais sustentáveis, como a reutilização de água, por exemplo, tornado-se fatores que ajudam a bater o martelo na hora de comprar um imóvel. Isso tem um impacto muito grande e decisivo na hora de se planejar a construção do imóvel.

Uma prática adotada de forma crescente nos últimos tempos são os imóveis com plantas flexíveis. E o que isso quer dizer? Que existe a possibilidade de que quem esteja comprando determinado imóvel, tenha total liberdade de modificar conforme suas necessidades e desejos.

Desta forma, pode se criar um espaço de inúmeras maneiras, assim como os ambientes multiusos, ou seja, uma área social que seja cozinha, sala de estar, jantar e que até tenha um cantinho para trabalho. A planta livre traz uma liberdade imensa para o imóvel e atrai cada vez mais os compradores.

É nítido como o estilo de vida da população foi se alterando ao longo dos anos, e hoje em dia a prioridade é ter conforto, praticidade e bem estar. Por isso as tendências chegam fortes e com muitas razões para existirem após um período de tensão e incertezas. O que sempre importará é que essas tendências tragam resultados positivos para o desenvolvimento humano e que sejam responsáveis com a natureza.

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por