Terceirização

Santa Casa de Chavantes assumirá gestão da UPA Santa Helena, em Taubaté

Organização Social venceu licitação promovida pela Prefeitura e irá receber R$ 20,791 milhões por ano para administrar a unidade

Da Redação
10/05/2022 às 21:18.
Atualizado em 10/05/2022 às 21:18
UPA em Taubaté (Arquivo/OVALE)

UPA em Taubaté (Arquivo/OVALE)

A Santa Casa de Misericórdia de Chavantes deve assumir no próximo domingo (15) a gestão da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Santa Helena, em Taubaté.

A OS (Organização Social) venceu o chamamento público promovido pela Prefeitura. A Santa Casa de Chavantes somou 92,4 pontos, entre proposta técnica e proposta financeira.

O contrato deverá custar R$ 20,791 milhões por ano, praticamente o valor máximo previsto no edital (R$ 20,8 milhões por ano) – das outras quatro concorrentes, três propuseram valores menores, mas obtiveram notas inferiores nas propostas técnicas.

Clique e faça parte do nosso grupo no WhatsApp e receba matérias exclusivas. Fique bem informado! Acesse: https://bit.ly/ovale-agora-33

TERCEIRIZAÇÃO.

No fim do ano passado, a Prefeitura publicou quatro chamamentos públicos para terceirizar a gestão das unidades de urgência e emergência do município.

Em 19 de abril, o Iesp (Instituto Esperança) assumiu a gestão do PSM (Pronto Socorro Municipal). O contrato custará R$ 44,8 milhões por ano.

Em 1º de maio, o INCS (Instituto Nacional de Ciências da Saúde) assumiu a administração da UPA San Marino. O contrato custará R$ 26,5 milhões por ano.

A licitação do PA (Pronto Atendimento) do Cecap, que pode resultar em um contrato de até R$ 10 milhões por ano, foi suspensa em fevereiro por uma decisão liminar da Justiça, após ação em que uma concorrente questiona sua inabilitação. As propostas técnicas e financeiras ainda não foram abertas.

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por