Legislativo

'A democracia prevalece', afirma Roberto do Eleven, eleito presidente da Câmara de São José

"Pela convivência e por já estar no terceiro mandato, fui ganhando a confiança dos vereadores, conhecendo como se administra essa Casa. É um trabalho de liderança e aí meu nome foi cogitado para presidência, eu aceitei"

Thais Perez
04/08/2022 às 20:29.
Atualizado em 04/08/2022 às 20:44
Robertinho da Padaria (à direita) cumprimenta o seu sucessor, Roberto do Eleven, que assumirá o cargo de presidente da Câmara (Cleverson Nunes / PMSJC)

Robertinho da Padaria (à direita) cumprimenta o seu sucessor, Roberto do Eleven, que assumirá o cargo de presidente da Câmara (Cleverson Nunes / PMSJC)

Roberto do Eleven (PSDB) foi eleito com a maioria dos votos como presidente da Câmara Municipal de São José dos Campos nesta quinta-feira (4). Com 16 dos 21 votos, o vereador vai presidir o legislativo a partir de janeiro de 2023.

"Pela convivência e por já estar no terceiro mandato, fui ganhando a confiança dos vereadores, conhecendo como se administra essa Casa. É um trabalho de liderança e aí meu nome foi cogitado para presidência, eu aceitei", afirma o vereador em entrevista a OVALE.

O vereador faz parte da base aliada de Anderson Farias (PSD), prefeito de São José. Eleven já foi o partido Republicanos, mas hoje representa o PSDB. O adversário de Roberto foi o vereador Walter Hayashi (PSC), veterano que já está no seu sétimo mandato. A candidatura de Hayashi foi anunciada somente no início da sessão extraordinária, visto que Lino Bispo (PL) teve seu nome cogitado para ser candidato à presidência.

José Roberto de Castro Morais, conhecido como Roberto do Eleven, tem 58 anos e é nascido em Caxambú (MG). Antes de exercer o cargo de vereador na cidade, era comerciante. Atualmente, ele está em seu terceiro mandato.

ELEIÇÃO.

Após a votação, os ânimos ficaram exaltados. A vereadora Dulce Rita, também do PSDB, declarou seu apoio ao vereador Walter Hayashi, acusou a base alidada do governo municipal de "política do amém" e classificou a escolha do presidente como "submissa".

"A democracia prevalece. Todos os vereadores daqui são capazes de ser presidentes da Câmara", afirma o Roberto do Eleven. "O papel da Câmara e pensar na cidade e em toda a população, estamos aqui para fiscalizar o prefeito também. Temos que ajudar ele a construir e melhorar muito mais esta cidade", completou o futuro presidente.

Eleven classificou o novo cargo como um desafio. "Conto com a ajuda dos vereadores e dos servidores", finalizou.

  

Siga OVALE nas redes sociais
Copyright © - 2021 - OVALETodos os direitos reservados. | Política de Privacidade
Desenvolvido por
Distribuido por